Questão 9 Comentada – Exame CFC 2021.2

Olá! Tudo bem? Espero que sim.

Hoje, trago para vocês uma questão comentada do Exame de Suficiência 2021.2, um dos mais difíceis da história.

Como todas as outras realizadas pela Consulplan, foi uma prova bastante complicada e diferente das demais, o que reforça a necessidade de se estudar com muita antecedência, já que não é possível estabelecer um parâmetro para o que cairá na próxima prova.

Acredito que a taxa de reprovação fique em torno de 80%. Por isso, estudar de forma planejada e organizada é essencial.

Se quiser se juntar ao nosso time de milhares de alunos do CFC De A a Z, estamos com matrículas abertas!

E o que você encontrará lá, em nossa assinatura anual, por apenas 12 x R$ 39,90?

Vídeos, livros digitais, mais de 30 horas de provas anteriores comentadas, simulados, fórum de dúvidas, grupo de alunos, semana de revisão de véspera, mapas mentais, planos de estudos e muito mais.

Então, vamos ao que interessa? A nossa questão!

Mas, antes, se você quiser, pode aproveitar e fazer o download gratuito da Prova 2021.2 Resolvida através do link abaixo.

QUESTÃO RESOLVIDA

Determinada indústria financiou a aquisição de uma máquina de R$ 550.000,00. O pagamento será realizado em 48 prestações mensais e consecutivas de R$ 14.000,00, com a primeira prestação vencendo um mês após a compra. A indústria dispendeu mais  R$ 5.000,00 em documentações e transporte para deixar a máquina apta à utilização; estima utilizar a máquina durante 8 anos,  vendendo-a após este período por R$ 70.000,00. Segundo dados do fabricante, esta máquina tem a capacidade produtiva de  500.000 unidades e sua vida útil é de quinze anos. Os gastos anuais de manutenção são de R$ 6.000,00. Após o início de sua  utilização, no dia 01/07/2020, a máquina produziu 58.000 unidades até o final do período de 2020. Considerando essas informações e, ainda, de acordo com a NBC TG 27 (R3) –Ativo Imobilizado, é correto afirmar que a despesa de depreciação desta  máquina, no ano de 2019, foi de:

A) R$ 56.260,00 apurados com base nas Unidades Produzidas.

B) R$ 70.412,00 apurados com base nas Unidades Produzidas.

C) R$ 37.937,50 apurados com base no Método das Quotas Constantes.

D) R$ 16.166,67 apurados com base no Método das Quotas Constantes.

Comentários:

A questão solicita o cálculo da despesa de depreciação e, em que pese o bom enunciado, padece de vício insanável. O gabarito preliminar da Consulplan foi a letra a. Contudo, vimos por meio desta pedir a anulação do item.

A máquina começou a ser utilizada em 01.07.2020 e, até o término do exercício, havia produzido 58.000,00 unidades. Pois bem, o comando da questão solicita: “é correto afirmar que a despesa de depreciação desta  máquina, no ano de 2019”.

Não há possibilidades de se realizar o cálculo da despesa de depreciação de 2019 com os valores fornecidos pela questão.

Assim, solicitamos seja o item anulado.

Mas vamos resolver como se ela não precisasse ser anulada e estivesse pedindo a depreciação em 2020.

Agora é só calcular.

Método das unidades produzidas: 485.000 x 58.000/500.000 = 56.260

Método da linha reta: 485.000 /8 = 60.625,00.

Esta é a depreciação anual. Mas, no caso, em 2020, foram apenas 6 meses.  60.625 x 6/12 = R$ 30.312,50.

Gabarito Letra A.

Confira a correção em vídeo da questão:

Marcadores

Deixe Seu Comentário

Artigos Relacionados

Quer receber questões e conteúdos diariamente no seu e-mail?

Cadastre-se gratuitamente na nossa lista de e-mails e fique por dentro de todas as novidades

Posts Relacionados

© 2021 CFC de A a Z. Todos os direitos reservados.